Author Archives: Joker

Prémio: Identidade Oculta II


NOSFERATU.png

Anúncios

Prémio: “Com o terço na mão e o diabo no coração”


Saco d+esmolas.png

Roberto, Roberto…


Roberto,
Não tens que muito procurar,
Eu sou fácil d’achar,
Estou perto!

Read the rest of this entry

Humanismo dos Descobrimentos


Fom’os primeiros
A romper fronteiras,
E as capciosas charneiras
Que nos fez pioneiros,

Read the rest of this entry

Prémio: Legalidade & Fiscalidade


Croquete

O “croquete” Roberto


O “croquete” Roberto
É um pequeno-grande ser humano,
Parece um boneco de pano,
Mas é um homo-erectus!

Read the rest of this entry

Prémio: Sai mais um processo?


Raríssimas

ONGD


Uma ONGD
Não tem fins lucrativos,
Nem valores perdidos
Onde não s’os vê,

Read the rest of this entry

Prémio: Mobilidade geográfica


Mobilidade geográfica.png

Prémio: Mecenato político-artístico


MEDINA.png

Prémio: Classe política


Rock e a amiga .png

Prémio: Inocência


Trumpa.png

Prémio: Mecenato moscovita


Czar

GuardarGuardar

Prémio: Identidade oculta


va,piro

Prémio: Globalização


ABIDJAN.png


Prémio: Amor de mãe!


Vampiro.png

Declaração d’interesses


I

Eu quero um sindicato
Que me seja conveniente;
Qu’um dia esteja ausente
E noutro activado!

Read the rest of this entry

Leitura política


Por estilo e formação
Não m’escondo no discurso,
E há uma leitura de recurso
Na pretensa solução:

Read the rest of this entry

O milagre da duplicação


Quem mais violou
Ou nisso foi favorecido,
É quem se diz agredido
No que não passou…

Read the rest of this entry

Herança indivisa


Vetou-se o acordo
Porque teve que ser,
E há nisto qu’o refazer
No todo…

Read the rest of this entry

Prémio: a piada vampiresca do ano!


VAMPIRO

Justiça e equidade?


Pois…

Porcos a voar!!?

Usam dos conceitos
De forma aleatória,
Pr’a mostrar outra estória
Sobr’os nossos direitos!?

View original post mais 411 palavras

Contra!


Apesar de tod’o vosso empenho
Eu votaria contra,
Qu’isto é mais qu’a conta (!!),
Em número e tamanho!

Read the rest of this entry

Difamação


O difamador
Gosta da difamação,
Pr’a lançar a confusão
Sem ser ele o “autor”,

Read the rest of this entry

Eu “acardito”


Fui-lhe tão injusto,
Ao nosso vampiro…
E o qu’eu o admiro
(A muito custo!);

Read the rest of this entry

Joker


Eu sou um assomo
Da vossa consciência,
A ténue resistência
Ao seu próprio abandono!

Read the rest of this entry

O “Tulha”

Os mémés!


A ovelha negra
Não segu’o carreiro,
Desvia-se do meio
Que lev’a turba cega;

Read the rest of this entry

“Virtude”


Portugal,
Celebramos-te mais um dia,
E de Camões a sua poesia
Por ideal!

Read the rest of this entry

Menino e corrupto


Querem-me os meninos
Em folga sempr’a laborar,
E que sempre me faço avançar
Aos seus próprios destinos…

Read the rest of this entry

(Al)Cavala


A vida segu’o seu curso
No reino da corrupção,
E na Tv a estação
Põe em prime time o corrupto!

Read the rest of this entry

A vida homicida


Dizem que ganhou a vida
Na decisão sobr’a morte,
E o país segu’o seu porte
Em mais uma batalha perdida…

Read the rest of this entry

Passado/Presente


Quando atentamos na história
Do nosso passado recente,
Percebemos qu’o “antigamente”
Foi apenas moratória,

Read the rest of this entry

A ponta do icebergue


O escândalo sucessivo
Sobr’o desporto em Portugal,
Em qualquer capa de jornal…
É um aperitivo!!

Read the rest of this entry

Corrupção


Acto de corromper
Por promessa, suborno,
Pr’a qu’outro retorno
Se possa obter…

Read the rest of this entry

Nero, Ave(s)!


Já arde Alvalade
Em chamas verde-rubras,
E Nero come uvas
Em conformidade…!?

Read the rest of this entry

Não-alinhado


Quando não t’alinhas
Aos grandes interesses,
Tomas mais reveses
Do qu’aqueles que tinhas…

Read the rest of this entry

Contra tudo e contra todos!!


Eram (são?) os donos disto tudo,
Nos campos, na finança, na política,
Que maior qu’o país é o benfica…
Sej’o diabo cego, surdo e mudo!!!

Read the rest of this entry

Voltar a acreditar?


Deu-m’a eleição
O corrupto da esfera,
Porque pr’a ele quem opera
Pode fazê-lo em “perfeição”;

Read the rest of this entry

Sistema


Um conjunto
D’elementos integrados,
De mandantes e subordinados
Sempre a um mesmo assunto…

Read the rest of this entry

A legítima


Tu deves pensar
Que já está tudo esquecido,
Qu’o processo foi resolvido
E que nada há apurar,

Read the rest of this entry

Campeões, campeões!!


O Porto é campeão
Contr’as arbitragens,
Contr’os corruptos das mensagens,
Contr’o regime da nação…

Read the rest of this entry

Liberdade


A liberdade
Comporta um alto preço,
Não é um simples adereço
De necessidade,

Read the rest of this entry

Voar


Como um pássaro já voas
Na tua imensidão,
Qu’um filho nos dá extensão
Em mil pessoas!

Read the rest of this entry

Poesia, pr’a que serve?


Pr’a que serv’a poesia
No que nisto não se saiba?
Há nela alguma verdade mais sábia
Qu’o homem não sabia?

Read the rest of this entry

Antes espanhol!


Passa-s’a fronteira
E já não há cinzento,
Qu’o fogo, no seu consentimento,
Aqui tem outra barreira;

Read the rest of this entry

Mudança


O movimento
Pressupõe mudança,
E forj’a esperança
No tempo…

Read the rest of this entry

Oportunidade


Tudo na vida
É uma oportunidade;
Uma via a metade
Ou o fim da subida.

Read the rest of this entry

Novos cromos (para a troca)

Crepúsculo


Quem se acha
Mais que perfeito,
E no seu direito
Não se relaxa,

Read the rest of this entry

Coincidência


A simultaneidade,
Essa ocorrência
Que faz da coincidência
A veracidade!!

Read the rest of this entry

Morreu a ideologia…


Morreu a ideologia,
O sonho, a convicção,
A vida, qu’a “humanização”
É só fisiologia!

Read the rest of this entry

Impunidade


Impunidade.
Sentimento de certeza,
A mais absoluta crueza
Da falsidade!

Read the rest of this entry

Prepotência


Significado
De prepotência:
A total ingerência
Dum poder tomado!

Read the rest of this entry

Nunca o “Porco” voou tão alto…


Captura de ecrã 2018-03-30, às 09.43.21

Captura de ecrã 2018-04-11, às 18.51.41.png

Politica Sindical

O Estado da Nação


O clube da corrupção
Faz jus aos seus métodos,
E escondem-se os seus adeptos
Da divulgação…

Read the rest of this entry

O Vampiro em Alcatraz


Assoma-se o vampiro
E vai a Alcatraz,
Mas que belo rapaz
Qu’é o puto giro!!

Read the rest of this entry

Os lambe-cus


A profissão mais nobre
Do quadrante nacional,
É ser-se um ser igual,
Permanentemente pobre…

Read the rest of this entry

“Clandestinidade”


Queriam-no por “facilidade”
O nosso direito,
E na força do pleito
Vingou pr’a posteridade

Read the rest of this entry

Síria


Morrem na Síria
Homens e crianças,
Em francas matanças
Sem faixa etária…

Read the rest of this entry

Condicionamento clássico


Com o que sonhas, porco?
Bolota!
E já Pavlov tirar’a nota
Daquele pulsar cardíaco!

Read the rest of this entry

A diferença dum presunto!?


Se na minha vida
Houvesse oferecido presuntos,
Já tinha obtido mais fundos
Do qu’a quantia investida!

Read the rest of this entry

Protegido: Diagrama do sono


Este conteúdo está protegido com uma palavra-passe. Para o visualizar, por favor, insira em baixo a sua palavra-passe:

Prémio: Jogos Olímpicos d ‘Inverno


Captura de ecrã 2018-02-20, às 23.01.38

Gueto


Querem-nos num gueto
Separand’os seus,
E os restantes judeus
Do resto…

Read the rest of this entry

O sapo e o escorpião


Chegados à beira do lago,
O sapo e o escorpião,
Tentou este relação
Qu’o passasse ao outro lado!

Read the rest of this entry

Protegido: Roteiro Moscovita


Este conteúdo está protegido com uma palavra-passe. Para o visualizar, por favor, insira em baixo a sua palavra-passe:

O estio Moscovita…


I

O Caraquenho
“Morreu” de frio…
Que saudades do estio
Do seu engenho!

Read the rest of this entry

Negócio necrófago


O vampiro e a vampira
Fizeram os dois consórcio,
E enjeitaram um negócio
Do dá-e-tira!

Read the rest of this entry

A fábula


Vivo neste universo
De fábulas,
Mas são as rábulas
Que me dão contexto!!?

Read the rest of this entry

O melhor ainda está para vir…


s-eb7e23d32ffa208c9cf1220aedcc87bc09daf0e3

Delito


Um dia serei preso
Por delito d’opinião,
Num rasgo de condenação
Ao meu verbo teso!

Read the rest of this entry

Fábula Vampiral


– Bom dia!
Diss’o vampiro!
Mas que puto giro
Ali se via!

Read the rest of this entry

Liberdade!


A liberdade tem um preço:
A sua defesa!
Qu’ela não é uma certeza
Por quem nela se tem preso!

Read the rest of this entry

Prémio: Velhas oportunidades!


Captura de ecrã 2018-01-23, às 04.38.06

Ilegal!?


I

Diz qu’é ilegal,
O Sr. Administrador;
A greve tem sempr’o seu “ditador”
Anti-constitucional!!

Read the rest of this entry

BOM DIA!!

Votos d’ano novo!


Amor e paz…
São esses os meus votos!
Os sentimentos mais devotos
De que sou capaz!!?

Read the rest of this entry

Branqueamento


O branco
É a cor da pureza,
A mais pura clareza
Que tem a neve em manto…

Read the rest of this entry

“Simplesmente Maria”


Maria mudara d’apelido
Apenas p’la terceira vez,
Porqu’o destino, cruel e soez,
A tinha comprometido…

Read the rest of this entry

Desígnios para 2018


Captura de ecrã 2017-12-27, às 01.08.59

Vaidade e soberba


Dos sete pecados mortais,
De todos o mais pernicioso,
É a soberba do vaidoso
Que se acha sempre mais!

Read the rest of this entry

O Natal é sempre que o homem quer…


Natal


Em tempos de reflexão
Percepcionamo-nos em ações,
Que somos humanos na tentações,
Mas dotados de razão.

Read the rest of this entry

Boas festas (pelo corpo todo…)!


25991102_486805805053312_1971544309_o

Prémio: “Countdown”


Captura de ecrã 2017-12-21, às 23.25.24

Protegido: Quem anda aí?


Este conteúdo está protegido com uma palavra-passe. Para o visualizar, por favor, insira em baixo a sua palavra-passe:

Elenco de luxo

Abriram a caixa de Pandora, ui!


Menino, cadê você?


Menino,
Cadê você?
Faz tempo c’a gente não se vê,
Bambino!

Read the rest of this entry

A melhor comédia romântica do Verão passado…


Vamos a concurso em todos os géneros…


Nem a Mata-Hari…


Provavelmente o melhor filme do ano…


Nomeação para melhor actor…


O filme de terror do ano!


Merry Christmas, my little fellow pigs!!


Era tudo labor!


Não me mov’o ódio,
A inveja ou o desdém,
A vingança e o que lhe advém
No seu travo serôdio!

Read the rest of this entry

Proposta suína


Ex.mo Sr. Administrador,
Venho por este meio
Revelar-vos o meu anseio
Por esse novo mundo melhor!!

Read the rest of this entry

Justiça e equidade?


Usam dos conceitos
De forma aleatória,
Pr’a mostrar outra estória
Sobr’os nossos direitos!?

Read the rest of this entry

Não há nada que o tempo não defina…

Cabeças a prémio!?


Juntam-se as varas
Em fartas reuniões,
E emitem-se opiniões
Por taras!

Read the rest of this entry

Para os meus ansiosos fãs… :-)

WANTED!


Não me faças rir, pá!

Os cães ladram…


3c5dd193a69b8d608431eb3a46b19b11

“Acordo participativo”


Eles só querem
O nosso bem!
Amém!

Read the rest of this entry

Epílogo


Joker

Conselho gratuito: “Se o fizeres fá-lo bem feito…”

De quando os porcos voavam…


De_quando_os_porcos__Cover_for_Kindle71vY15DGajL

Liquidação total


Captura de ecrã 2017-11-18, às 15.15.00

Força, força, companheiro Vasco!


Força, força,
Companheiro Vasco!
És duro com’o aço
No trabalho da bouça!

Read the rest of this entry

O chiqueiro


É no chiqueiro
Que lá cresce o cerdo,
E se faz no emprego
Send’o primeiro!

Read the rest of this entry

Auto-determinação


Catalunha,
Nação ancestral,
É-te Portugal
Nisso testemunha,

Read the rest of this entry

Pedro e o Lobo


Em tod’as histórias d’encantar
O lobo é um bicho mau,
Que tem “cara de pau”
E uma fome pr’a enganar.

Read the rest of this entry

O Descobrimento


Na foto da praxe
Estão lá tod’os cromos,
Que d’anões e gnomos
Ainda há quem os não ache?!

Read the rest of this entry

O marechal Carmona


Tod’o bom ditador
Precisa dum marechal,
Pr’o travo marcial
Criar temor!

Read the rest of this entry

Eternidade


Fonte: Eternidade

O fantasma do Natal


Foi abert’o sistema
Como acto d’excepção,
Pr’a se sentir a pulsação
À “malta pequena”…

Read the rest of this entry

Encruzilhada


Fonte: Encruzilhada

Da prova…


S’a premissa é provar,
Sr. Director,
Tem o plano director
Pr’a lá o vislumbrar…

Read the rest of this entry

A cigarra e a formiga


Uma cigarra bem nutrida,
Daquelas cantoras estivais,
Goza da vida bem mais
Do que qualquer formiga!

Read the rest of this entry

Assessores


Sabe tod’a gente
Qu’os melhores assessores
São ex-sindicalistas, ex-defensores
Duma classe ausente!

Read the rest of this entry

O Caga-Milhões


Tem sempre uma casa
Pr’a dar e vender,
E depois d’enriquecer
Nunca s’atrasa

Read the rest of this entry

Sereníssima


Fonte: Sereníssima