…”das Caldas”

Pedem-me um “das Caldas”
Por pretensa fama,
Que se fosse dama,
Não lhe dava baldas!!

Mas vindo de “musa”
Com voz de bagaço,
Eu, por firmeza d’aço,
Não me tenho em tusa!

E mesmo sem tomates
No ditame do mongo,
Nisto já m’escondo
De tantos engates!!

Que nesta braguilha
Só mexe quem escolho,
E se nisto m’encolho
De tão fraca “bilha”…

É porqu’a EVA
É a minha ventura,
E quem é qu’os atura
Nesta minha nega!?

Querem um “das Caldas”
E batem-m’à porta,
Mas a viga é morta
Para essas nádegas!!

Que vozes de asno
Não chegam ao céu,
E tenho que ser eu
A dar-lhes orgasmo!?

Larguem-m’a porta
Que já sou casado,
E não sou “veado”
De natureza morta…

E dar ao anão
Mais uns centímetros?
Se por uns milímetros,
Tudo lhe dá tesão!?

Larguem-m’a braguilha,
Batam uma “pívia”!
Ponham creme “Nívea”
E, vão levar na anilha!!

Joker

mal08aaa4

Posted on 26 de Maio de 2016, in Palhaçadas. Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s