Comer e calar?

Comer e calar
É o prato do dia,
E com alegria,
Chorar!

Só para dentro,
Pr’a ninguém notar,
Qu’estou a chorar,
Em pranto!

Como e não bufo,
Pr’a ninguém me ver,
Qu’estand’a sofrer,
Não sofro!?

Tenho que comer,
Por isso me calo,
Pois que s’eu falo,
Queres ver…?!

O prato do dia
É melhor que nada,
E estar de calada
Não queria…

Mas tenho filhos
E a sobrevivência,
E quem tem inocência
Nao quer “estrilhos”!

Deixem-me sofrer
Aqui bem calado,
Qu’o caldo entornado
Está a ferver!!?

Não me vou queimar
Na Justiça “alheia”,
Qu’a barriga cheia
Pode chegar!!?

E quem sabe vou
Comer com fartura,
Pois qu’isto não dura…
Ao que chegou!!?

Sei da caldeirada
Com qu’outros s’enchem,
Mas nunca se queixem
De nada!!?

Vamos pois comer
O que lá houver,
E se puder escolher…
Não ver?!

🙂

  

Anúncios

Posted on 11 de Abril de 2016, in Palhaçadas. Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s