Discos pedidos

Estou? É dos discos pedidos?
Sabe dizer a frase?
“PN…Ok…”- Está quase!
Música pr’os meus ouvidos!

“…Pr’a VOAR!”
Pois qu’está correcto!
Mais longe ou mais perto
O destino a escutar?

Quer’a da “Mariquinhas”
Nessa voz do Bonga,
Que Luanda é moda
Pr’a ajudar as criancinhas?…

Muito bem escolhida
A música d’Angola,
E levar uma esmola
É salvar uma vida!

E por embaixadora
Do bom coração,
Dou-lhe outra canção:
“Dia de folga” da Ana Moura!

Não gosta de fado,
É mais de fandango?
Mas eu é que mando,
Não vai pr’a outro lado!

Volta pr’a Luanda
Pr’a ouvir um Kuduro,
Qu’o voo está maduro
Enquanto isto abranda…

Escut’o Kizomba
“Você roubou a minha vida”
Qu’é mais ouvida
Ainda qu’a do Bonga!

S’até o Mangolé
Pede sempr’o disco,
Porque não vê risco
Em lá meter o pé….

E dançar a música
Quantas vezes quis,
Porque tem lá raiz
Melódica!

E na sua dança
De melodia quente,
O mangolé é gente
Qu’alcança!

Ai, e uma rumba
Bailada em Caracas,
Pois que lá a(s) pataca(s),
Abunda!?

E qualquer caraqueño
Que não nacional,
Traz pr’a Portugal,
O ganho!

Qu’é música d’ouvido
Que por lá s’assobia,
E que mal s’ouvia…
No pedido!!

Sim, é um Caracas
Pr’a repetir a dose!
Mas já são catorze(!?)
Maroscas!?

E tod’as seguidas
No canto da salsa…
Não queres dançar a valsa
Das dívidas?

E num ritmo quente
Seguimos pr’a “Florida”,
Que tem uma movida
Elegante…

É tod’o um glamour
De cor e de luz,
Que lá até o “Cruz”
Parece um Senhor!

Sempre bem acompanhado
(Nem parece um anão)
C’as divas p’la mão,
Em tal voo “trocado”…

E na febre da dança
Tod’a Miami exulta,
Porqu’a vida é curta
Na esperança…

E há que aproveitar
Pr’a nisto se curtir,
Que quem vem a seguir
Não está “Ok para Voar”…

E não sabend’a frase
Já não há pedido,
E o disco é perdido
No “quase…”

Mas na repetição
Do disco riscado,
Vai-se ao “El Dorado”
Por “dedicação”…

Que por lá o disco
Também é ritmado!
E o “El dorado”
Não tem fisco!

É tudo a bombar
Se mudas de som,
Porque também é bom…
Bailar!

E se tens o Bolshoi
Como referência,
Com tal frequência
Lá se foi?

Ver a “Bela adormecida”
Ali no 1º balcão,
Só porque a canção
Foi pedida!?

E os bailarinos
Em genuflexão,
Ali pr’o 1º balcão
Dos “meninos”!?

E passar ao samba
Nesse fim-de-ano,
Porque não há engano…
Caramba!?

Cinco discos pedidos
Sempre na mesma data,
E a memória é fraca
D’ouvidos?…

Ah, já sei o dito:
“PN, OK… para Voar”!
Onde é qu’está a dar…
O guito!???

🙂

 

Anúncios

Posted on 10 de Março de 2016, in Aviação, África, Coelhos, Corrupção, Impostos, Justiça, Música, Natal, Palhaçadas, Poesia, Portugal, Privatização, Protocolos, Redes Sociais, Viagens and tagged , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s