Vendida!

Tenho-me privado
Pr’a alívio do povo,
Que me pag’o soldo
D’orçamento d’Estado!?

Vem do seu imposto
O meu vencimento!?
Que como argumento
É todo bem disposto…

Falam de regalias
Qu’eles financiam,
Qu’eles não podiam
De carteiras vazias…

É tudo razão
Naquilo qu’exigem
E nisto não fingem
A dizer que não!

Pois por alienada
Já ninguém s’expia,
No bem que se lhe queria
E a nação sem nada!?…

E nisto vendida
A esse consórcio,
Como bom negócio!?
Tem-se ressarcida…

Rejubil’o mercado,
E o povo agradece!
Pois que não s’esquece
Do imposto agravado!?

Mas da ignorância
Vem o desconhecimento
De que há muito tempo
Não há ingerência…

De públicas subvenções
Na aviação!
E qu’imposto, então,
Nos pag’os aviões?

Há pois inversão
Sobre quem financia…
Mas a nação queria
A privatização!

E o orçamento
D’Estado é salvo!?
Por não ser tocado
Pr’a nos dar aumento!!

Há muito qu’os sei
Na inveja sedenta…
Qu’a TAP alimenta
Os filhos da grei!

Por isso s’entrava
Em qualquer avião!
De “pistola na mão”
Quem ela “pagava”…

Sempr’a mesma merda!
Aquela aviação!
Na pronta acusação
De quem agora entrega…

Tod’o esse valor
Só por tuta-e-meia,
Como quem premeia
Essa falta d’amor…

E agora privada
Já não é de todos,
E esses “bons modos”
Na boca calada…

Vai ser relembrado
Noutra ocasião,
Quando no avião
Esse mal-educado

Tiver a pretensão
Que do seu imposto,
Ainda sobr’o gosto
Doutra acusação!?

E ter conhecimento
Qu’aquilo tem dono,
E não é do seu abono
Outro “cumprimento”!

E qu’esse serviço
Já é doutra era,
E está noutra esfera
Do nosso compromisso!

Por isso é pagar
Ao sector privado!
Como noutro lado
E em qualquer lugar…

Qu’a competitividade
A isso nos obriga!
E ai de quem maldiga
Da nacionalidade…

É sim portuguesa,
Mas visand’o lucro!
Valor absoluto
De qualquer empresa!

E se se recordar
Da velha Companhia,
Que lá fez um dia
Um “repatriar”…

É pois esquecer
Esse Portugal,
Qu’hoje o “ideal”
Não s’o pode perder…

Joker

Velha TAP

Anúncios

Posted on 15 de Novembro de 2015, in Anúncios, Aviação, CDS, Governo, Impostos, Negociações, Orçamento de Estado, Poesia, Privatização, PSD, TAP, União Europeia, Venda and tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s