Votem!

Com vestimenta de gala, vou à Alta Constituinte
Para não cair a pala, sobre a cabeça da gente
Respondendo em gratidão, ao “presidente” bondoso
Que me queria dar a mão, numa retirada para gozo!
Tudo prova magnífica, de gente de grande moral
Que até a apocalíptica, se presta ao ar angelical 
Não dê a coisa para o torto, e entremos em depressão
Que tenhamos um desgosto, leiloando o passarão!
Por isso eu vou a votos, nem que seja com a trupe
Para salvarmos do esgoto, o que restou do estuque
Votando em consciência, neste acto pré-eleitoral
Lá direi à sapiência, que sempre é melhor que o individual…
Por isso salvemos o que resta, finjamos que seja, a união
Para não cairmos de testa, esparramados pelo chão
Tudo é melhor que a besta, na antecâmara da dissolução
Sejamos uma floresta, mas não nos preguem a Anunciação!
Anúncios

Posted on 18 de Julho de 2012, in Palhaçadas and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s