A Dama-de-Fero

Gosto muito daquele remate pronto da “nossa” sindicante-vidente, quando lhe falam do pilim dos outros: “Ah, mas ganham mais que eu!”

Embeiçada, a “nossa possuída”, no que ao carcanhol diz respeito, trata logo de lançar o feitiço, correndo escadaria abaixo para, com raios, bolas, cruzes e coriscos, cortar a eito na folha dos desgraçado-representantes!

Querias ganhar o mesmo que eu, não?

É jeito e feitio da nossa Dama-d(o)e-(In)Ferr(n)o ter uma certa mania das grandezas. Antes de ser já o era!

Quando era necessário ir à PAT em representação da sindicância, logo se disponibilizava, no alto dos seus tamancos, para ir de viva voz fazer furor. Estridentemente!

No alto da sua importância, desde o início do périplo sindicante, logo se mostrou capaz de mostrar ao que vinha. Bastava ler nas entrelinhas, e na voz do seu “Arcanjo”, que lhe havia sussurrado, na sede da cidade do BCE, que a PAT não iria fechar… Logo aí a malta da sindicância ficou descansadíssima, sabendo, que fizesse a merda que fizesse, a garantia do soldo mensal estava assegurada!

Desde logo, e por aí, se percebeu o relax de alguns outros sindicante, quando em sede negociante, e depois, na discussão geral sindicante, se mostravam amplamente despreocupados com o sentido da votação. Dê para o lado que der, a malta tem é que se manter equidistante!

Digamos, que o lado artístico, destes grandes conhecedores das catacumbas politizantes, deve estar acima das questões de fundo. Lembro-me, a espaços, da preparação de uma reunião directizante, na antecipação da assembleia sindicante, onde o rapazola transmitiu que o vector da coisa é ser teatral! Deve ter sido por essa falta de queda para o teatro que o então vice foi mandado sair de cena em plena sessão generalizante, por força de expressar o seu sentido de votante, quando os sindicantes tinham sido alvo de um voto censurante! Esclarecedor! Não fosse o péssimo actor estragar a pintura do cenário, e ofuscar o sentido da peça! Cale-se, disse a Grã-Mandante! Aqui quem manda sou eu! Só aqui???

Nessas alturas, as de maior aperto, a Dama-d(o)e-(In)Ferr(n)o fazia o seu jogo polítizante. Não dava a cara, só dava abraços e beijinhos! “Meu Queridooooo, estou contigoooooooooo!” Estás, estás!!!

Uma mente prospectiva. Ela sabia-se a caminho da vicelândia! O “Arcanjo” lhe confessara: “Tú vais ao cume, de tamancos”!

E tinha-se em razões para tal: era queriducha, “solidária”, de risadinhas fáceis, gostava de trabalhar em grupo (É Grupo!), gostava de ligar para os Doutores, gostava de colocar os DS nos seus lugares (isto é, em casa, na sua óptica!), gostava de mostrar que tinha boas ideias ( sim…porque eu lembrei-me disto! Sim, porque foi de minha iniciativa! Sim, porque a dietazinha nem é precisa…), gostava de se mostrar aos patronantes, não fossem eles perderem a oportunidade de confirmar como ali estava uma mulher com bons augúrios mandantes…

O problema é a tamancada, que deixa rasto, lastro e barulho! Estridente, realmente estridente!

É daqueles seres que de tanto te encherem de “mimos” tu só podes desconfiar… Não é possível que alguém possa ser tão estridentemente solidário!!!

Bem dito, bem certo. Na altura em que teve oportunidade de lançar as suas “Mal(Di)-Vinas” sobre os costados do vice que lhe tapara a ascenção ( Amén!) , não teve problemas em lhe aplicar a poll tax da ordem!

O que ela não contava era com a dose de resistência popular que aí adviria na sua desenfreada sede de poder, protagonismo e prepotência.

Com uma pupila destas, questiono-me sempre que espécie de “Arcanjo” lhe possa dar guarida na sua ascese espiritual. Não é possível que alguém tão “mediúnico”, possa ser simultaneamente tão terreno nas suas ambições mundanas. Não joga a bota com a perdigota!

Só existe uma explicação procedimental: ou o “Anjo” não tem sexo, ou a “Dama” não tem asas!

Anúncios

Posted on 15 de Fevereiro de 2012, in Palhaçadas and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s